Canções Escutistas Canções Religiosas Hinos

Hino Nacional 

Heróis do mar, nobre povo 
Nação valente, imortal 
Levantai hoje de novo 
O esplendor de Portugal. 
Entre as brumas da memória, 
Ó pátria sente-se a voz 
Dos teus egrégios avós 
Que há-de guiar-te à vitória 

Às armas! às armas! 
Sobre a terra, sobre o mar 
Às armas! às armas! 
Pela pátria lutar 
Contra os canhões 
marchar! marchar! 

Desfralda a invicta bandeira 
À luz viva do teu céu! 
Brade a Europa à terra inteira 
Portugal não pereceu! 
Beija o solo teu jocundo 
O oceano a rugir d'amor; 
E o teu braço vencedor 
Deu mundos novos ao Mundo! 

Saudai o sol que desponta 
Sobre um ridente porvir; 
Seja o eco d'uma afronta 
O sinal de ressurgir. 
Raios dessa aurora forte 
São como beijos da mãe, 
Que nos guardam, nos sustêm, 
Contra as injúrias da sorte. 

 

Hino do C.N.E. 

Nós somos os Ecuteiros 
desta pátria sem rival. 
E fomos nós dos primeiros 
a levantar Portugal! 

Avante Escuteiros! 
Em frente a cantar! 
Marchemos ligeiros 
e sem vacilar! 
A pátria confia 
no Escuta leal. 
É Deus quem nos guia 
ALERTA! 
Viva Portugal! 

Escuteiros portugueses, 
caminhemos sem temer!... 
Não teme nunca os reveses 
quem nasceu p’ra não morrer. 

Mocidade de alma bela, 
 ousadamente cristã, 
connosco nasceu a estrela 
do Portugal de amanhã... 

Deus e pátria! a nossa vida 
lhes daremos a cantar 
Quem ousará de vencida 
as almas puras levar?!

 

Flor da Fragância 

Somos a flor da fragância 
que se difunde à distância 
trazemos dentro do peito 
um coração que anda afeito 
aos heróicos sacrifícios 
de vencer paixões e vícios 
e à mais renhida peleja 
pela pátria e pela igreja 

Nos combates da virtude 
conquistamos a saúde 
e ganhamos cada dia 
o doce pão da alegria 
temos a alma no olhar 
limpidamente a brilhar 
encantadora, a sorrir, 
bela aurora do porvir 

Bando de aves que esvoaça 
a nossa falange passa 
pelos campos, pelos montes 
para largos horizontes. 
Com a cruz da flor de Lis, 
luminosa directriz; 
de renúncia, de pureza, 
de graça, de fortaleza.

 

Hino ao Fogo 

Ao redor da fogueira, 
vimos ouvir os conselhos 
que nos dão os nossos chefes 
nossos irmãos mais velhos 

Ó luz, beleza, clara certeza 
rumo do nosso mar 
bendita seja a luz benfazeja 
a tua chama no lar. 

Alumia e aquece... 
o fogo tem graça e cor 
ritmo de vida que cresce 
fonte de graça e amor. 

Sobe do lume a chama 
pregão de luz, de pureza, 
sejam assim nossas almas 
de Escutas bons de certeza. 

 

Canção da Promessa 

Minha promessa atende 
meu Deus, Deus meu, 
e sobre mim estende 
o manto Teu. 

Eu Te amo e quero amar 
cada vez mais, 
Não deixes de escutar; 
Senhor, meus ais. 

Juro seguir teus passos 
Como cristão 
E depor em teus braços 
meu coração. 

Defende-me do mal, 
Jesus, meu rei, 
que em prol de Portugal 
batalharei. 

Minh’alma toda cega 
de fé e de amor 
Hoje e sempre se entrega 
a Vós, Senhor. 
 

Oração do Escuta

Senhor Jesus, ensinai-me a ser generoso,
A servir-Vos como Vós o mereceis.
A dar-me sem medida,
A combater sem cuidar das feridas,
A trabalhar sem procurar descanso,
A gastar-me sem esperar outra recompensa,
Senão saber que faço a Vossa vontade santa
Amen !

 

Canção do Adeus 

Chegou a hora do adeus, 
irmãos vamos partir, 
no abraço dado em Deus, irmãos 
vamo-nos despedir 

Partimos com a esp’rança, irmãos 
de um dia aqui voltar 
com fé e confiança, irmãos, 
partimos a cantar. 

A Deus que fez bela a amizade 
nós vamos pedir 
nos guarde em unidade 
e que nos torne a reunir 

Adeus, irmãos, tenhamos fé 
no nosso belo ideal 
Por nós será melhor 
a juventude em Portugal